Eco Delivery Sul - Higienização de Estofados

 

 

De Segunda a Sábado: 

das 08h30 as 12h00 e das 13h00 as 17h30.

 

CNPJ: 22.671.591/0001-61  © 2015-2018 por Eco Delivery Sul. 

 

Como deixar o seu carro com cara de 0km

Devo encerar, polir ou pintar o carro? 

 

Essa é uma dúvida que passa pela cabeça de muitos daqueles que tem o carro com a pintura feia ou desbotada, que acaba prejudicando o veículo, fazendo com que este perca seu valor de mercado.

 

As pinturas automotiva evoluíram bastante nos últimos anos, mas aqui no Brasil onde o sol predomina por boa parte do ano, basta algum tempo exposto para os nossos carros perderem aquele brilho bonito igual 0km.

 

Alguns preferem deixar do jeito que está e no dia que precisar manda pintar uma peça ou todo o carro, azar.

 

Mas acontece que as fabricantes possuem uma tecnologia de ponta para tratamento de pintura, assim eles te entregam o carro com o que há de melhor em relação a isso. E uma oficina, por mais bem equipada que seja, por mais que tenha o melhor profissional de pintura, dificilmente conseguirá competir com a qualidade da pintura aplicada na fábrica.

 

Outro ponto negativo, ao pintar apenas uma peça é quase impossível conseguir deixar a cor desta peça repintada igual ao restante do veículo. Talvez quem seja leigo não perceba, mas um profissional ao avaliar seu carro irá notar e talvez até desvalorize mais pelo fato de ter precisado de um reparo.

 

Por isso, é melhor deixar a opção da pintura para os casos mais extremos, tais como uma peça amassada por um acidente, arranhões e marcas muito profundas, corrosões ou oxidações da pintura.

Para os demais casos, você pode escolher entre polir ou encerar.

 

Ceras naturais ou sintéticas?

 

Os valores variam muito, mas dentre as ceras naturais se destacam as ceras de carnaúba, que são as que combinam melhor a relação durabilidade e brilho.

 

Já as ceras sintéticas são formadas por polímeros, resinas acrílicas e outras variedades de componentes químicos, que visam "grudar" o máximo possível na pintura, cobrindo os poros e evitando que as impurezas fiquem impregnadas no veículo.

 

O recomendável é que o veículo seja encerado a cada 3 ou 6 meses, para que a película de cera proteja a pintura, mantendo-a com o aspecto original por mais tempo.

 

E o que é o polimento?

 

O polimento é feito com produtos micro abrasivos, que fazem com que seja removida uma camada do verniz danificado.

 

O processo de polimento de veículos é recomendado para recuperar o brilho da pintura, devido a exposição ao sol, remoção de impurezas da pintura e pequenas marcas e arranhados.

 

Mas como saber se o polimento vai resolver?

 

Você mesmo pode avaliar a pintura do seu carro, uma forma fácil de saber como está o estado do seu veículo é colocando a mão dentro de um plástico, pode ser até uma sacola de mercado, passando a sua mão sobre a pintura se ela estiver áspera o polimento vai corrigir isso deixando ela lisa.

 

Se quando o carro está no sol ou colocando uma luz próxima, aparecem uns riscos em formato de teia, isso é causado pelas lavagens. O polimento também remove estas marcas.

 

Sobre os riscos e arranhados, se no meio do risco, o fundo estiver branco ou cinza, é porque já passou da tinta, então o polimento não vai resolver. Neste caso você vai precisar pensar na ideia de uma micro pintura ou repintura da peça inteira. Pois o polimento trabalha apenas sobre o verniz.

 

É importante você saber que todo polimento remove uma camada do verniz para deixar ele todo parelho e liso, então um polimento mal feito pode remover uma camada desnecessária ou em excesso do verniz, e caso precise de um novo polimento no futuro pode ser que não haja verniz suficiente, precisando repintar toda a peça ou até todo o veículo.

 

Por isso o polimento não é algo simples de fazer e o melhor é sempre escolher um profissional capacitado para cuidar bem do seu carro.

 

Um polimento bem feito normalmente passa por um processo de 3 etapas (corte, refino e lustro), que visam deixar o aspecto do veículo o mais perfeito e espelhado possível. Além disso, antes da realização do polimento é preciso realizar uma lavagem bem feita e uma descontaminação da pintura.

 

Estes serviços, mesmo que sejam realizados por profissionais, custam menos da metade do valor para pintar um veículo inteiro. Por isso você pode recorrer a estes cuidados, antes de jogar a toalha (ou o dinheiro), em uma repintura total.

 

Com estes processos simples, sendo bem feitos, você terá um carro usado, porém com cara de zero quilômetro.

 

 

Please reload

Please reload

Please reload

  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
  • Instagram ícone social
WhatsApp_Icon.png